Home arrow Notícias arrow Empresas ainda podem contribuir nas comemorações do Centenário
Empresas ainda podem contribuir nas comemorações do Centenário PDF Imprimir E-mail
Por Administrator   
16 de abril de 2008
“A captação dos recursos necessários à realização dos projetos apresentados pela Associação para Comemoração do Centenário da Imigração Japonesa no Brasil está em andamento, e será realizada dentro do prazo.” “A captação dos recursos necessários à realização dos projetos apresentados pela Associação para Comemoração do Centenário da Imigração Japonesa no Brasil está em andamento, e será realizada dentro do prazo.” A afirmação é de Renato Kenji Nakaya, presidente do Instituto Brasil-Japão de Integração Cultural e Social, a Oscip (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) constituída em abril do ano passado com o objetivo de captar os recursos necessários à realização dos eventos. 

 Como está o andamento da captação de recursos para o Centenário?

Renato Nakaya: Com a aproximação da data e a excelente exposição do evento na mídia, os patroci-nadores e doadores, constituídos de empresas multinacionais e brasileiras, instituições bancárias, empresas estatais e órgãos governamentais estão garantindo o fluxo desejável de recursos; o que nos dá tranqüilidade e certeza de que todos os projetos propostos pela Associação serão levados a termo com sucesso. Está se formando uma verdadeira corrente em torno do Centenário, as colaborações estão vindo de todos os lados, empresas de todos os portes estão nos procurando com doações e em contrapartida, a Associação oferece espaços para exposição da marca nos diversos eventos programados, como na Semana Cultural, nos simpósios setorizados, nas atividades esportivas e nos materiais de divulgação.

 Quero destacar que o maior ganho tem sido perceber o espírito que tomou conta da comunidade e da sociedade brasileira para um fato inédito e único: o Centenário da Imigração.
Essa data não mais se repetirá na história, é agora ou nunca, e estamos contando com esse engajamento para atingirmos as nossas metas de captação. O Instituto está trabalhando a todo o vapor e aviso os patrocinadores/ doadores que gostariam de embarcar nas comemorações do Centenário, que a hora é agora.  

O grande evento no Sambódromo e a Semana Cultural são os destaques das comemorações. Quais outros projetos o senhor citaria que já estão com as verbas garantidas?

Renato Nakaya: Sobre os dois grandes projetos nem se discute mais: eles estão mais do que garantidos, faltam apenas detalhes para a finalização da captação. Todos os projetos propostos pela Associação serão realizados, há muitas formas de contrapartidas. Na área de publicações e de documentação, temos a edição de livros comemorativos, a consolidação do registro dos imigrantes, a digitalização de arquivos e publicações raras e a filmagem de documentário das festividades. E, foi definido ainda que a Associação será co-patrocinadora da construção do Monumento dos Imigrantes, uma obra de arte assinada pela artista plástica Tomie Ohtake. Estão programadas outras atividades de grande impacto, como o da Tocha da Amizade.
 Cito ainda os projetos envolvendo jovens da comunidade. Sei que centenas de grupos nipo-brasileiros de todo o País estão treinando a toda para o show dos mil taikôs e outras apresentações conjuntas. A mobilização é total.
 

Como o senhor definiria o momento atual, em termos das comemorações?

Renato Nakaya: Estamos finalizando acordos de patrocínio e gestões de contrapartidas. Os voluntários estão mais animados do que nunca para garantir a festa, em detrimento, muitas vezes, de suas atividades pessoais. E nós, do Instituto, estamos respirando o mesmo ar, o da arrancada. Toda e qualquer contribuição é bem-vinda. O orçamento é elevado, mas enxuto, e vamos fazer a nossa parte.
 
< Anterior   Próximo >