Produza você mesmo uma água saborosa
Por Secretaria ACCIJB   
02 de junho de 2009
Este é o nome do livro de autoria do prof. Dr. Nobutada Nakamoto, sobre tratamento de água com uso de algas e microorganismos, cujo lançamento ocorreu no dia 21 de maio de 2009, no Auditório Tauzer Garcia Quinderé, da SABESP-SP, na R. Nicolau Gagliardi, 313 , em Pinheiros, São Paulo/SP.
nakamoto_hiro-nakamoto.jpgO evento se iniciou às 16h00, por uma palestra realizada pelo próprio autor, que vive no Japão e veio especialmente para o lançamento de seu livro em português. Tendo em vista conhecer um pouco da língua portuguesa, já que viveu no Brasil, no período inicial de suas pesquisas sobre o assunto, mais precisamente na Universidade Federal de São Carlos, 33 anos atrás, o professor preferiu fazer a palestra em nossa língua. Pediu desculpas ao público presente pelas possíveis falhas em sua pronúncia não muito correta e, com a ajuda de slides ilustrativos projetados na parede, desenvolveu sua narrativa sobre o tema (Filtração Lenta em Areia – Sistema de Purificação Ecológica); sobre as razões que o levaram a essa especialização; sobre suas impressões sobre o país e o círculo de amigos que fez nesse longo período, principalmente com a família do prof. Hiroyuki Hino (do Programa Viva Japão). O prof. Hino, além de intermediar a viabilização da publicação e da realização do evento, foi também o tradutor do livro para a língua portuguesa.

Compareceram ao evento pouco mais de 40 pessoas, dentre as quais o prof. Dr. Kokei Uehara que, além de ter lhe escrito o prefácio no livro, foi um dos precursores, no Brasil, das idéias que o prof. Nakamoto se tornou referência mundial. Aliás, o prof. Uehara afirmou lembrar-se vagamente do jovem pesquisador Nakamoto no início de suas pesquisas na represa Broa, em São Carlos, acompanhado de um casal de jovens pesquisadores brasileiros, José e Takako. Estes, hoje, professores doutores José Galizia Tundisi e Takako Matsumura Tundisi, também prestigiaram o evento, vindos de São Carlos. Além deles, também vindo de longe, de Brasília, juntaram-se aos daqui, mais alguns representantes da JICA Japão e da JICA Brasil, patrocinadora da publicação.

Embora o livro aborde um tema específico, os conteúdos são perfeitamente acessíveis também aos leigos.  O Sistema é muito simples e poderá facilmente ser instalado com baixo custo, o que favorece as regiões mais pobres do país, onde a população carece de água potável. 

Aproveitando o ainda momento do centenário da imigração japonesa no Brasil, o prof. Nakamoto que gostaria muito de tê-lo lançado em 2008. Ele espera que o livro tenha boa repercussão entre estudantes universitários e pesquisadores dos países da América Latina.    

O livro teve o apoio institucional da Associação para Comemorações da Imigração Japonesa no Brasil (ACCIJB).